Justiça Coloca Diretoria na parede

15/12/2016

Justiça

O ex Presidente do Goiânia Eduardo Machado que renunciou a presidência em 24 de agosto de 2016, logo após o fracasso na divisão de acesso, acionou a justiça com ação de obrigação de fazer com tutele antecipada obrigando a Diretoria do Goiânia a convocar Assembleia Geral ou Extraordinária no prazo de 10 dias para indicar nova eleição em substituição a Eduardo Machado. O Estatuto do Goiânia diz que o vice-presidente deve fazer a convocação no prazo de no máximo 30 dias após o cargo vago do Presidente, ou seja, o prazo venceu em 24 de setembro de 2016, inclusive liguei para o vice-presidente porém, o mesmo não demonstrou nenhum interesse em convocar a Assembleia alegando não ter ninguém interessado em assumir a Presidência.

Foi necessário A justiça entrar em ação para que a Diretoria faça a devida convocação da Assembleia e assim cumprir a ordem judicial e também o estatuto do clube que vem sendo desrespeitado ano após ano.

  • Criação